Gestão Clínica e do Atendimento na Odontologia

R$220,00

Conheça nossas opções de frete

 

 

Autor: Celso Orth

288 páginas

Formato: 170 x 230

 

 

Apresentação

Ser Digital não é mais opção, é definitivo. Precisamos aprender a conviver com a dinâmica veloz das mudanças evolutivas; não existem fronteiras e limites.

Humanização é um conceito atemporal que tende a perpetuar-se. Precisamos aprender a conviver com a essência das pessoas.

Alinhar ambos os conceitos é o desafio que nos instiga e estimula a buscar o equilíbrio que é o propósito maior, principalmente quando se fala em prestação de serviços na saúde.

Compreender a singularidade que a tecnologia alcança, com uma aceleração de novas concepções que acabam nos confundindo pela dificuldade de assimilá-las em trajetos alterados constantemente, é uma tentativa insana de inserir um significado robusto ao modo de gerir a nossa atividade profissional. Impossível, em qualquer esfera de probabilidades, prevermos todas as variáveis em que ela vai interferir. Seremos nós que trataremos os nossos pacientes, governaremos os caminhos a serem seguidos por eles, ou seremos meros agentes das diretrizes esboçadas e traçadas pelos diagnósticos que são frutos da mais alta tecnologia?

Ser digital também é começar pelo básico, alicerce essencial para buscar os novos horizontes. É ser organizado, construir um passo a passo protocolar que desobstrui a raia da mesmice e alavanca o percurso rumo à inovação. É preciso disciplina e determinação, além de ser forte o suficiente para deslocar as resistências impostas por gente resignada, muitas vezes habitando o mesmo teto, que nos atravancam a caminhada rumo à realização profissional.

A ideia central do que propomos é ambientar uma clínica de saúde, especialmente voltada à Odontologia, que tenha componentes que nos tragam satisfação no trabalho. Fica evidente que isso envolve todos os níveis de profissionais e serviços que rotineiramente orientam as práticas diárias. Organizá-los de maneira a possibilitar um gerenciamento eficaz é o produto acabado que almejamos. A lógica do lucro seria consequência e não vinculada como objetivo primário. Essa última é uma ideia errônea que desastrosamente acaba contaminando quem ousa empreender pela primeira vez.

Termos a noção exata e qualificada de quanto as pessoas importam. Acreditar que sonhar é possível, mas que precisamos delas para que os sonhos se materializem. A busca não é confortável e pode até ser espinhosa, mas nos assegura que é possível curtir o durante, principalmente com a promessa de futuro.

A Odontologia é a nossa fiadora. Profissão digna que substancializa o principal: uma obra sempre inacabada, mas recheada de paixão, a ponto de sempre querermos mais.

Dia após dia, ao lado e de frente, há gente questionadora, exigente, obsessiva e sei lá o que mais. Mas gente como a gente.

Desafios para saborearmos, no final, um olhar feliz (ou, às vezes, nem tanto), com a sublime certeza que o esforço aconteceu e foi por inteiro.

 

 

 

Sumário

 

Capítulo 1 – Mercado da Odontologia

Capítulo 2 – Onde e Como Quero Trabalhar no Futuro?

Capítulo 3 – Fluxo de Trabalho e suas Variáveis Consideradas

Subcapítulo 1 – Nosso Fluxograma

Subcapítulo 2 – Noções de Biossegurança

Subcapítulo 3 – Laboratório de Prótese

Capítulo 4 – Gestão do Atendimento

Capítulo 5 – Consultas Iniciais – Sempre um desafio

Subcapítulo 1 – Anamnese

Subcapítulo 2 – Apresentação do Plano de Tratamento

Capítulo 6 – Marketing Aplicado à Odontologia

Capítulo 7 – Mídias Sociais

Capítulo 8 – Gestão Administrativa

Subcapítulo 1 – Software de Gerenciamento

Subcapítulo 2 – Noções Contábeis

Subcapítulo 3 – Gestão Econômica e Financeira

Capítulo 9 – Gerenciamento de Risco Jurídico na Prática Odontológica – Uma visão contemporânea dos problemas enfrentados pelos cirurgiões-dentistas

Capítulo 10 – Gestão de Pessoas